Distúrbios da fronteira

25 de outubro de 2017 Processocom

Jornalista e doutora em semiótica María Del Rosario Millán e a pesquisadora  Marina Casales, em parceria com o pesquisador Diego Bogarín, apresentam o seu trabalho sobre as problematizações da abordagem de comunicação e desigualdades comunicativas, com base em abordagens da esfera pública alargada na província de Misiones, Argentina.

Para isso, os pesquisadores iram apresentar no XI Rede Amlat, as dificuldades  que tiveram a partir de contextos de fronteira e a necessidade de construir categorias que considerassem transitivas e assumidas pela comunicação na fronteira.

comments
#XI Seminário Internacional de Metodologias Transformadoras da Rede AMLAT

Previous Post

Next Post