1964 um golpe contra o Brasil

21 de setembro de 2013 Processocom

Tabita Strassburger

Um daqueles documentários que não se pode deixar de ver e que deve ser compartilhado com o maior número de pessoas possível. Assim poderia ser descrito 1964 um golpe contra o Brasil.

Com direção de Alípio Freire, a produção foi lançada em março desse ano a partir de uma parceira do Núcleo de Preservação da Memória Política e da TVT – Televisão dos Trabalhadores, com o apoio do Memorial da Resistência de São Paulo e da Secretaria da Cultura do Estado de São Paulo. A ideia é resgatar a memória política do Brasil para que, especialmente, as novas gerações conheçam a história e entendam as inter-relações que resultaram no golpe civil-militar que completa 50 anos em 2014. Além disso, por meio desse resgate, busca-se explicar os processos que resultaram no cenário nacional que se tem hoje, com problemas como desigualdade social, distribuição de terra, dependência internacional, entre outras realidades vivenciadas.

O documentário traz um panorama geral dos antecedentes e dos agentes do Golpe de Estado, problematizando os modos de participação de diferentes instituições e setores do Brasil e também de outros países, por exemplo, Estados Unidos, que apoiou de maneira efetiva esse movimento antidemocrático com o respaldo de parcela da sociedade brasileira. Sabe-se que a política internacional de intervenção estadunidense se mantém e ainda mostra seus reflexos, também não ficou restrita ao Brasil, mas se estendeu por outros países da América Latina – e mesmo além do continente americano – em uma dinâmica de sobreposição e desrespeito à soberania dos povos.

Refletir e propor mudanças passa pela compreensão das experiências vividas. Conforme questiona Eduardo Galeano, em Dias e noites de amor e de guerra, “Quem não sabe de onde vem como pode averiguar aonde vai?”. É imprescindível que se conheça e problematize o passado para evitar a repetição dos erros e continuar crescendo e apresentando resultados positivos, para além do âmbito desenvolvimentista da economia de mercado.

A versão completa do documentário pode ser conferida no youtube aqui ou, ainda, dividida em capítulos no site do Núcleo de Preservação da Memória Política aqui.

comments
#1964#América Latina#Brasil#documentário#golpe

Previous Post

Next Post