Integrantes do Processocom estão em Manaus para o 36º Intercom

7 de setembro de 2013 Processocom

Vitória Brito Santos

Começou na quarta-feira (04/09), na Universidade Federal do Amazonas (Ufam), o 36º Congresso Brasileiro de Ciências da Comunicação (Intercom). Neste ano de 2013, Manaus recebe professores, pesquisadores e estudantes de comunicação de todo o país nos dias 4, 5, 6,7 e 8 de setembro. No primeiro dia houve a abertura oficial do evento, além disso os minicursos e as oficinas foram destaque na programação: estima-se que mais de 300 oficineiros estejam participando do evento. Com temas variadosas oficinas e minicursos incluem debates acerca de ambiente virtual, assessoria de comunicação e produção para rádio e TV. 
A partir do tema central do evento, que neste ano é “Comunicação em tempo de redes sociais: afetos, emoções, subjetividades”, são debatidas, nestes cinco dias, questões voltadas às áreas de Jornalismo, Relações Públicas, Rádio, Cinema, Publicidade, Televisão, Produção Editorial e de Conteúdo para Mídias Digitais, Políticas Públicas de Comunicação, entre outras. O Intercom conta com a participação de pesquisadores de todo o Brasil e é realizado sempre em uma cidade escolhida, por votação entre os sócios da Intercom, no ano anterior ao evento. 
Um dos focos do Congresso é o espaço criado para os estudantes mostrarem seus trabalhos, com o intuito de que eles possam provar sua capacidade de produzir e refletir sobre o fazer científico. Acredita-se que pelo menos dois terços dos participantes do Congresso Nacional são estudantes. Com a finalidade de que os jovens talentos despertem gosto pela pesquisa, foram criados o Intercom Júnior e o Prêmio Expocom. 
O Congresso Nacional, que é precedido por cinco Congressos Regionais (que ocorrem no primeiro semestre do ano), é um dos eventos promovidos pela Intercom ao longo do ano. Todos esses congressos têm a finalidade de estimular a pesquisa nas áreas da Ciência da Comunicação, mas o evento nacional é considerado o mais importante da Intercom (Sociedade Brasileira de Estudos Interdisciplinares da Comunicação), ocorrendo desde 1977. O Intercom Nacional já chegou a reunir cerca de 3.500 pessoas – entre pesquisadores e estudantes – de todo o Brasil, América Latina e da Europa em apenas uma edição. 
Dois integrantes do grupo de pesquisa Processocom participam do evento. O Dr. Juciano Lacerda, professor da Universidade Federal do Rio Grande do Norte, coordena o GP Comunicação para Cidadania, da Divisão Temática 7, que iniciou seus trabalhos ontem. A Drª Carmem Pereira, doutora pela Unisinos, coordena a Sessão 3 – Cidadania nos processos de comunicação pública e comunitária, também no GP Comunicação para Cidadania. 
Além da coordenação do GP, o professor Juciano lançou ontem o e-book, de distribuição gratuita, “Comunicação para a Cidadania: objetos, conceitos e perspectivas”, organizado por ele e por Claudia Lahin, da Universidade Federal de Juiz de Fora (UFJF). Confira mais informações sobre esse e-book aqui.

comments
#e-book#Intercom

Previous Post

Next Post