Confira o resumo da manhã do IV Seminário Discente da Rede AmLat

21 de agosto de 2013 Processocom

Tamires Coêlho

Paulo Júnior Melo da Luz

A primeira parte do IV Seminário Discente da Rede AmLat encerrou com oito apresentações. Problemas técnicos impediram a participação via videoconferência dos pesquisadores da UFPB, bem como da transmissão do evento no link disponibilizado para streaming. Abaixo, seguem alguns momentos da manhã do Seminário.

Na primeira mesa, três trabalhos foram apresentados:

“Constatações acerca da exploração do ambiente digital do coletivo de migrantes uruguaios CCU-VS” – Vitória Brito Santos, Paulo Júnior Melo da Luz e Maytê Ramos Pires (Processocom-UNISINOS)

“Experiência metodológica em pesquisa sobre midiatização da problemática das drogas ilícitas da mídia impressa diária” – Marcelo Ferreira da Silva (Processocom-UNISINOS)

“Contribuições Brasileiras para as Teorias da Comunicação Midiática: uma Análise dos Artigos do GT Epistemologia da Comunicação dos Congressos da COMPÓS de 2001 a 2012” – Iriudsana Costa, Louzianne Neves dos Anjos, Rebecca Gomes Pelagio (Pragma-UFRN)

Na segunda mesa, duas apresentações:

“O jornalismo engajado dos Blogueiros Progressistas” – Andressa Carvalho Vieira, Nathalia Aparecida Aires da Silva, Maria do Socorro Furtado Veloso (Pragma-UFRN)

“Projeto Viva Mãe Luiza: Panorama das Ações de Comunicação do Primeiro semestre de 2013” – Cínthia Rocha, Diana Coelho, Juciano de S. Lacerda, Susana Dantas, Michele Soltosky (Nesc-Pragma-UFRN)

A mesa 3 do IV Seminário Discente contou com discussões sobre pesquisas científicas desenvolvidas por estudantes e professores do grupo Pragma, da UFRN (Universidade Federal do Rio Grande do Norte).

A primeira apresentação dessa mesa, intitulada “Práxis Serve: Estratégias de ensino do projeto ‘A Articulação entre Teoria e Prática na Vivência Didática da Disciplina Teoria da Comunicação’”, contou a participação de André Araújo da Silva, Victor Manoel Fernandes Fonseca, Kalianny Bezerra de Medeiros e Suelayne Cris Medeiros de Sousa. Os estudantes salientaram a importância de incentivar os alunos à produção de pesquisa científica durante a disciplina de Teoria da Comunicação, que tem grande evasão na UFRN. Eles também mencionaram ações de estímulo aos alunos no sentido de ler mais vezes os textos indicados na disciplina e de tentar articular teorias à prática de cada curso (Rádio e TV, Publicidade e Jornalismo).

A apresentação seguinte foi feita por Arthur de Oliveira Rocha com o trabalho “Uma proposta metodológica para a compreensão do processo da reportagem”. O estudante comentou que os alunos foram convidados a produzir textos jornalísticos dentro de uma disciplina teórica, de forma que não se limitassem a reproduzir o que é feito nos jornais diários, mas produzindo reportagens mais densas e que os tirem da zona de conforto. Também foi explorado o compartilhamento de experiências vividas pelos alunos durante as atividades de campo precedentes à finalização das reportagens, bem como o papel cidadão da atividade jornalística.

Por fim, a terceira apresentação, baseada na pesquisa “Corpo Midiático: Histórias Das Imagens, Comunicação E Memória Na Pele Em Natal – RN/ Brasil E Catania – Sicília/Itália”, foi desenvolvida por Ana Paula de Barros Ferreira, Joanisa Prates Boeira e Maria Angela Pavan. A investigação foi feita em 2011 e traz uma reflexão sobre o novo modo de consumo das tatuagens, evidenciando o afeto por produtos culturais e a pertença identitária que decorre da fixação de imagens ao corpo. Foram investigados casos de jovens brasileiros e italianos que tivessem tatuagens de produtos da indústria cultural em seus corpos: além das marcas tatuadas, as pesquisadoras procuraram indivíduos que soubessem narrar suas escolhas. A tatuagem também foi pesquisada relacionada à intimidade dos sujeitos, de forma que os espaços da casa (sobretudo o quarto) dos investigados torna-se uma extensão da pele tatuada.

Alguns trechos das contribuições científicas feitas na parte da manhã do evento podem ser visualizados abaixo:

Marcelo – IV Seminário Discente Processocom

Apresentação Iriudsana, Louzianne e Rebecca – IV Seminário Discente Rede Amlat

Comentário de Marcelo Ferreira no IV Seminário Discente da Rede Amlat

Comentários de Integrantes do Processocom no IV Seminário Discente

Apresentação Mesa 3 – Pragma UFRN – Parte 3 – IV Seminário Discente da Rede Amlat

Apresentação Mesa 3 – Pragma UFRN – Parte 2- IV Seminário Discente da Rede Amlat

Apresentação Mesa 3 – Pragma UFRN – Parte 1 – IV Seminário Discente da Rede Amlat

O Seminário Discente volta na parte da tarde, a partir das 14h, e contará com quatro mesas debatendo “Reflexões teórico-metodológicas de Mestrandos da Rede Amlat”.

comments
#IV Seminário Discente da Rede AmLat#Rede Amlat

Previous Post

Next Post