Cursos Online: novos desafios de ensino e aprendizagem

4 de abril de 2013 Processocom

Tamires Coêlho

Atualmente, é bastante comum ouvir falar (ou ler) sobre ensino à distância (EaD) e cursos online. Com as facilidades para organizar o próprio tempo, administrar as atividades de acordo com a rotina e realizar cursos e aperfeiçoamentos – antes indisponíveis por questões financeiras ou geográficas – os cursos virtuais estão sendo bastante procurados como alternativa não só para os alunos, mas também para vários docentes. Enxergar as diversas possibilidades que um curso online oferece parece ser mais fácil que perceber as desvantagens que rondam essa nova modalidade de ensino. E é preciso estar atento a isso.

Nesta semana, o site Universia Brasil divulgou uma lista de orientações sobre cinco aspectos a serem analisados antes de ministrar um curso online. O site chama atenção para que os professores estejam cientes das características e deficiências desse modo de ensino antes de resolverem se aventurar lecionando via internet.

As ferramentas disponíveis pelo sistema e os recursos tecnológicos são imprescindíveis para a garantia de interatividade. Um curso online adequado às necessidades dos alunos deve oferecer meios de interação que os estimulem e que ajudem no aprendizado. Além disso, o ambiente multimidiático da internet pode tornar-se um aliado, se as ferramentas (recursos que envolvam leitura e audiovisual, por exemplo) forem bem exploradas nas atividades e processos avaliativos.

O contato entre os alunos também é essencial para discussão e disseminação do conteúdo ministrado. Um ambiente colaborativo facilita a comunicação entre a turma e proporciona maiores chances de fixação da matéria.

Além de cobrar uma boa estrutura do sistema no qual será ofertado o curso online, é preciso certificar-se de que o docente tem condições de atender às expectativas dos alunos, ofertando e recebendo para avaliação materiais em diversas mídias. É preciso ter um computador que suporte o tamanho dos trabalhos, uma boa conexão e tempo para estar constantemente disponível online para tirar dúvidas.

Se o professor puder oferecer algum recurso ou novidade além do conteúdo básico, haverá maior probabilidade de interesse por parte dos alunos. Mas é preciso lembrar que esse diferencial deve acompanhar uma metodologia de ensino adequada ao contexto no qual o curso vai ser inserido.

Uma boa oportunidade para os estudantes é aproveitar cursos online oferecidos por universidades renomadas ou com experiência nesse tipo de aprendizado. É interessante que os professores também comecem como alunos desse tipo de curso para identificar as dificuldades às quais seus futuros alunos estarão propensos.

O site Cousera, por exemplo, reúne diversos cursos online bem-estruturados e ofertados por docentes de universidades de boa reputação espalhadas pelo mundo. Há cursos para diversas áreas de interesse e de formação, e há possibilidade de interação com pessoas de várias partes do mundo nos fóruns. Em geral, a maioria dos cursos não exige pré-requisitos além do conhecimento em língua inglesa – idioma no qual está disponível todo o site.

comments
#curso online

Previous Post

Next Post